Comunicação durante crises – procedimentos

processo de comunicaçãoNão é comum, mas pode acontecer de você, como técnico de segurança, ser designado para o processo de comunicação caso haja uma crise. Nesse caso é bom estar preparado.

LEMBRE-SE

  • Providencie o controle da emergência.
  • Comunique aos órgãos públicos se for o caso.
  • Entre em contato com a Equipe de Comunicação (se houver).
  • Redija boletim sobre o acidente.

SE A IMPRENSA CHEGAR

  • Certifique-se do nome e veículo de informação do jornalista.
  • Leve-o a um local seguro e confortável.
  • Se houver riscos, explique isso a ele.
  • Esteja preparado para a entrevista.
  • Distribua o boletim e a folha de dados da empresa aos jornalistas.
  • Não se recuse a dar entrevista.
  • Seja franco e honesto na resposta.
  • Use linguagem simples.
  • Evite termos técnicos.
  • Não faça piadas ou comentários pessoais.
  • Não dê opiniões.
  • Seja paciente; a obrigação do jornalista é perguntar.
  • Frise sempre que as ações necessárias foram e estão sendo tomadas.
  • Não omita informações, desde que não sejam sigilosas.
  • Preocupe-se apenas com o público, e não com a impressão que vai causar ao repórter, aos familiares ou aos colegas de trabalho.
  • Não especule sobre as causas do acidente.
  • Se não souber responder a algo, diga que não sabe, mas vai procurar a resposta.
  • Não dê reportagem exclusiva, a menos que haja apenas um repórter.
  • Não fale extra-oficialmente.
  • Não faça comentários sobre danos ou custos.
  • Não coloque a culpa em nenhum funcionário, governo, etc.
Darcy Mendes Darcy Mendes (772 Posts)

Técnico em Segurança do Trabalho, graduado em Gestão Ambiental e especialização em Prevenção e Combate a Incêndio. Nas horas vagas sou músico e professor de violino!!!


One thought on “Comunicação durante crises – procedimentos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você é um robô? *