A periculosidade para motociclistas está de volta!

E no vai e vem das Portarias, em menos de um mês os  motociclistas perderam o direito ao adicional de periculosidade e ganharam novamente.

Pois é, no dia 17/12/2014 foi publicada a PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO – MTE Nº 1.930 DE 16.12.2014, suspendendo o pagamento do adicional de periculosidade aos motociclistas, mas no dia 08.01.2015, eis que surge uma nova Portaria suspendendo a Portaria anterior e garantindo a percepção do adicional por parte dos motociclistas.Punir ou não punir, eis a questão!

Pelo visto essa briga ainda não terminou, mas por ora, você que ganha o dia em cima de uma motocicleta, volta a contar com os 30% a mais em seu salário! Com exceção desse pessoal que está aí embaixo no trecho da Portaria! Porém, vale ressaltar que isso não deve prevalecer, pois é inconstitucional! Não dá para segregar uma parte da categoria quanto ao direito ou não ao adicional. Ou vale para todos ou não vale para ninguém.

Bom, o assunto vai longe e já tem outras categorias de profissionais de olho nesse filão!!A periculosidade para motociclista está de volta

“Portaria MTE Nº 5 DE 07/01/2015

Publicado no DO em 8 jan 2015

Suspende os efeitos da Portaria MTE nº 1.565 de 13 de outubro de 2014 em relação aos associados da Associação Brasileira das Indústrias de Refrigerantes e de Bebidas não Alcoólicas- ABIR e aos confederados da Confederação Nacional das Revendas AMBEV e das Empresas de Logística da Distribuição – CONFENAR.”

Faça o download da Portaria completa clicando AQUI.

Gostou deste artigo?

Então inscreva-se GRÁTIS para receber todas as novidades no seu e-mail!

Coloque seu email abaixo e clique em Assinar

 

Darcy Mendes Darcy Mendes (772 Posts)

Técnico em Segurança do Trabalho, graduado em Gestão Ambiental e especialização em Prevenção e Combate a Incêndio. Nas horas vagas sou músico e professor de violino!!!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você é um robô? *