Técnico de Segurança do Trabalho – Por que escolher essa profissão?

Técnico de segurança do TrabalhoPor que escolher a profissão de Técnico de Segurança do Trabalho 

Essa foi a pergunta que ouvi quando resolvi fazer o curso de Técnico em Segurança do Trabalho. A minha resposta poderia ser de várias maneiras, mas respondi simplesmente que essa era a profissão com a qual me identifiquei assim que a conheci.

Para dizer a verdade, o que mais me chamou a atenção foi o fato de se ser uma profissão que tem em sua essência, uma das maiores virtudes de um ser humano – ajudar os outros. No entanto, ser Técnico em Segurança do Trabalho vai muito além disso. É preciso estar atento para perceber as nuances dessa tão gratificante e, ao mesmo tempo, extenuante tarefa de educar para a prevenção. Já escrevi outros textos sobre a profissão que recomendo a leitura:

Qual caminho devo seguir

Após terminar o curso, fazer um bom estágio, está na hora de decidir o que fazer. Para isso vamos ver quais são os campos de atuação mais comuns para  os Técnicos de Segurança do Trabalho:

  • Exercer a função em alguma empresa (é o mais comum);
  • Ser um profissional autônomo;
  • Ter sua própria empresa de assessoria.
  • Empresa prestadora de serviço na área de prevenção de incêndios;

 


 

O que deve ser levado em conta na hora da escolha do caminho

Antes de tudo, é bom lembrar que em qualquer caminho haverá dificuldades, mas vamos analisar cada um deles.

Para uma boa escolha tenha em mente o que pretende fazer no futuro. Pensando assim, a escolha lógica é trabalhar em alguma empresa para adquirir experiência e só depois se decidir por uma das outras opções.

Exercer a função em alguma empresa

Dificuldades:

  • Falta de experiência;
  • Trabalhar sozinho;
  • Falta de apoio de modo geral;
  • Timidez, etc…

Ser um profissional autônomo

Dificuldades:

  • Mercado de trabalho competitivo;
  • Tem que ter disponibilidade para viagens;
  • Tem que estar sempre se atualizando em sua área;
  • É recomendável especializar-se em alguma área específica;

Ter sua própria empresa de assessoria

Dificuldades:

  • É recomendável ter experiência em várias áreas;
  • Mercado de trabalho competitivo;
  • É preciso ter algum dinheiro para iniciar o negócio;
  • Terá que contratar alguns profissionais;

Não escreverei sobre o último item (Empresa prestadora de serviço na área de prevenção de incêndios) porque as dificuldades são praticamente as mesmas das empresas de assessoria.

Conclusão

Conforme já mencionei acima, as dificuldades existirão em qualquer uma das áreas, porém é possível entrar direto em qualquer uma. Tenho amigos que terminaram o curso e montaram uma assessoria. Tiveram muitas dificuldades, mas acabaram superando com a ajuda de outros profissionais.

Para quem começa como Técnico de Segurança em alguma empresa, tem a vantagem de adquirir experiências que vão ajudá-lo e muito tanto nos trabalhos autônomos , quanto em um negócio de assessoria em segurança do trabalho.

E você? Acha que tem outras áreas onde poderá utilizar os conhecimentos adquiridos durante o curso?

Deixe seus comentários abaixo!

Darcy Mendes Darcy Mendes (776 Posts)

Técnico em Segurança do Trabalho, graduado em Gestão Ambiental e especialização em Prevenção e Combate a Incêndio. Nas horas vagas sou músico e professor de violino!!!


2 thoughts on “Técnico de Segurança do Trabalho – Por que escolher essa profissão?

  1. Darcy boa noite!

    Me formei recentemente em Segurança no Trabalho pelo Senac, uma excelente escola gostei muito do modo de ensinar da instituição. Eu me dediquei bastante durante o curso, como era de manhã não consegui estágio durante o curso, porém agora também não estou conseguindo. Sou dedicado, tenho bastante conhecimento em informatica, Inglês e Espanhol básicos, mas as empresas não estão dando oportunidade.

    O que fazer pra conseguir pelo menos o estágio?

    Obrigado Darcy

    1. Eu sempre aconselho a procurar estágio em empresas que prestam assessoria em Segurança do Trabalho, pois sempre tem algum trabalho onde eles preferem contratar estagiários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você é um robô? *